O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

Preço de imóvel vai além da localização

Fonte: Jornal Diário do Comércio/Economia

Texto: Thaíne Belissa

Nem só de localização é feita a valorização de um imóvel. Na hora de definir o preço de um apartamento ou uma casa, muita gente acredita que já ganhou o jogo porque garantiu essa característica. Mas a diretora da Céu-Lar Imóveis Adriana Magalhães destaca que o valor de um imóvel pode ser influenciado por diversos fatores que dependem tanto do morador - como conservação e apresentação - quanto de questões externas, como sol e espaço de lazer. Nesse processo de definição de preço, a diretora lembra a importância da avaliação de um profissional, que faz um diagnóstico técnico, evitando surpresas desagradáveis na hora da compra e da venda.

Adriana explica que a localização, de fato, é um das questões mais importantes na hora de estabelecer o preço de um imóvel, mas ela lembra que a avaliação vai muito além disso. Um exemplo são apartamentos que estão no mesmo prédio, têm o mesmo número de cômodos, mas recebem preços diferentes. "O valor depende de muitas coisas, como o andar em que o apartamento está, estado de conservação e vista. Se as janelas da casa dão para um paredão, para outro bloco ou para a janela do vizinho, por exemplo, pode interessar menos os clientes", avalia.

De acordo com a diretora, a vaga de garagem é outro fator muito observado, sendo um dos campeões de "influenciadores de preço". Ela afirma que um apartamento pode valer menos que outro dentro de um mesmo prédio se a vaga de garagem dele for mal posicionada ou presa. "Os prédios mais antigos costumam ter mais problema com isso, pois quando foram construídos não havia tantos carros. Hoje quase todo mundo tem um carro e uma rotina apertada, então não gostam de vagas onde precisarão fazer muitas manobras ou onde vão ficar presos", diz. Se a vaga é coberta, se a entrada para a garagem é simples, sem rampas íngremes ou estreitas também são fatores que contam. "Hoje o preço de uma boa vaga de garagem chega a R$50 mil", completa.

Acabamento - Adriana também chama a atenção para o padrão de acabamento do imóvel, que reflete diretamente em seu valor. Ela explica que os mais velhos costumam ser menos valorizados porque já estão mais desgastados. Além disso, normalmente eles precisam de reformas, trocas de tubulação e fiação, o que gera gasto para o futuro morador. "Isso tem que ser considerado na hora da avaliação porque o comprador terá que investir no imóvel, então o preço de venda deve ser menor", pondera.

Ela afirma que o banheiro e a cozinha são cômodos importantes para se verificar esses problemas de estrutura, que acabam sendo menos visíveis que os estragos nos revestimentos, por exemplo. "Às vezes o banheiro está lindo, mas tem infiltração. Por isso o avaliador tem que olhar para cima, para baixo e até abrir os armários para ver se não tem mofo no fundo", aconselha.

Se por um lado os problemas de conservação atrapalham na valorização do imóvel, as melhorias feitas pelos moradores podem aumentar seu preço. É o caso de pinturas, texturas, acabamentos em gesso, luzes e armários embutidos. "A gente está no mundo da estética, então os cômodos construídos com dicas de decoradores ganham destaque", diz. Ela ainda cita outros tipos de melhorias, como incorporação de espaços, construção de uma cozinha americana, aumento de um cômodo. Até o sol pode influenciar no valor do imóvel. Segundo a diretora, os imóveis que recebem o sol da manhã e não da tarde são mais valorizados. Isso porque, quando a incidência do sol é no período da tarde, o apartamento ou a casa ficam muito mais quentes e abafados.

A diretora lembra que as dicas são importantes para que o dono do imóvel entenda melhor o mercado e não seja surpreendido negativamente. Mas ela frisa a necessidade da avaliação de um profissional. "O dono do imóvel tem um valor sentimental, então, por mais que ele queira, não vai conseguir avaliar. O corretor vai fazer isso de forma profissional, colhendo dados e fazendo uma análise de acordo com o mercado que ele já conhece", conclui.




Conselho Regional de Corretores de Imóveis de Minas Gerais - Rua dos Carijós, 244 - 10º andar - Centro - CEP 30120-060 Belo Horizonte - Minas Gerais - Telefone: (31) 3271-6044 W3x